terça-feira, 9 de setembro de 2008

Amei essa matéria!!

Olá meninas!! Todos os domingos eu acompanho a coluna da Cláudia Cecília no Jornal O Dia na revista TUDO DE BOM. Amo as coisas que ela escreve. É divertida, realista, inteligente e com um senso de humor sensacional. Essa matéria foi sobre amores e casamentos. Achei lindo o que ela escreveu e concordo e muito. Se não tiverem lido, vale a pena. Segue abaixo o texto!


FELIZES PARA SEMPRE


Dizem que Dorival Caymmi morreu de amor. Estava com 94 anos, tinha câncer há quase 10, superdebilitado, mas teria sido a ausência de sua Stella Maris, com quem foi casado por quase 70 anos e que estava internada, em coma, o verdadeiro motivo de sua despedida. A vida podia fazer sentido com todas aquelas dificuldades - o corpo velho, a doença... -, mas jamais sem sua companheira, que partiu apenas onze dias depois. Essa semana, Waldick Soriano morreu, também de câncer, aos 75 anos, sem conseguir realizar seu último desejo: casar-se com a mulher com quem vivia há 37 anos. O cantor que levou a breguice às últimas conseqüências não queria ir embora sem transformar seu amor oficialmente em esposa e chegou a comprar alianças, mas não deu tempo. No mesmo dia, morria também o ator Fernando Torres, levando com ele um pedaço de Fernanda Montenegro, com quem foi casado por 56 anos. Três casais que talvez nem tenham ouvido do padre a frase 'até que a morte os separe', mas que levaram a idéia a sério, para nossa total comoção.


Antes que me acusem de tentar impor o baixo astral em pleno domingo, aviso que o objetivo é justamente o contrário. As três histórias de amor servem para ajudar a Salto Agulha em sua campanha a favor do casamento. Porque nós resmungamos, queremos matar uns maridos de vez em quando, amaldiçoamos quem inventou isso de juntar escovas de dente, mas vamos confessar que ter marido, quando por livre e espontânea vontade, é muito bom. E agora, antes que me acusem de querer deprimir as solteiras, outro aviso: não se trata de achar que casamento é a única possibilidade de vida feliz, mas é uma possibilidade e, ao contrário do que muitos pregam, não tem que ter prazo de validade. Nem virar um tédio. Nem ser um fardo. Muito menos um simples antídoto contra a solidão, porque não é assim que funciona.

Ter marido, ou mulher, é escolher alguém com quem dividir os projetos. Todos: os pessoais, os profissionais, os familiares e financeiros. É apontar para uma criatura e decidir que é com aquele ali que se vai tocar a vida, porque foi naquele ali que você encontrou afinidades, amor, tesão, e o que mais os dois estiverem a fim de incluir na relação. Não tem que dar certo para toda a vida, apenas pelo tempo que der certo, mas se for para a vida toda, ótimo também.

A questão, vão argumentar alguns, é que paixão esfria, tesão acaba, projetos mudam e a vontade de experimentar novamente frios na barriga provocados pelo ineditismo de um início de relação é enorme, e esses são todos exemplos de doenças fatais para qualquer casamento. São, de fato, mas superá-las e conseguir a proeza de reviver, amadurecer e até criar novos sentimentos com uma mesma pessoa pode provocar sensação de prazer e felicidade igual à que se teve lá no começo de tudo. Ou vocês não acreditam nisso?

Enfim, pode ser só um surto de romantismo e melancolia, mas os velhinhos apaixonados que morreram esses dias me fizeram acreditar que ir até o fim ao lado de alguém é muito especial. Ou, pelo menos, acreditar que se está ao lado de alguém com quem se vai até o fim, no melhor estilo felizes para sempre. É difícil, mas não custa nada tentar.

http://odia.terra.com.br/blog/saltoagulha/



Ainda dentro do assunto.....

E o que é essa overdose sobre o casamento da Juliana Paes? rsrs...
Devo confessar que adoro acompanhar...hehe...Li na revista: Vestido: mais de R$ 80 000,00 - Alianças: R$ 9 000,00, entre outras coisas. Mas com certeza casar com o homem que ama...NÃO TEM PREÇO. Desejo que o grande dia dela seja maravilhoso e do jeito que ela sonhou. Por sinal a essa hora ela já está casadíssima! Amanhã é só acompanhar os jornais com todas as noticias sobre o casamento do ano. Ainda bem que o casamento dela é esse ano por que em 2009 o casamento do ano será o MEU! hahahahaha!!!!





Muitos beijos para vocês!

4 comentários:

Alice e Carlos disse...

O NOSSO, né Laiza. rsrsrs
Bjoo

Paty do Franklin disse...

Laiza,
Adorei o texto... muito bem escrito mesmo!
Ahhhh 2009 é o ano do MEU casamento tbm... rsrsrs
Bjão
Paty

Rajah Mello da Luz disse...

Laiza..
Amei seu post!!!
Super fofo..
Agora o casamento da Juliana Paes..
Ela é linda... não precisava gastar tanto.. hahahahahahahaha
beijocas

Marcele Alves disse...

Oi flor, como vai ?
Amei o texto e concordo plenamente com a autora.
Ah, adoro seu blog e vou adcioná-la no meu tá?
Beijocas